+ SER - TER

sexta-feira, novembro 04, 2016

Desde menina fui treinada para ser melhor em tudo que eu fizesse: Você precisa ter boas notas. Você precisa ter um bom emprego. Você precisa ter uma casa grande e um carro do ano. Talvez não fosse assim tão explícito em casa, mas em todo lugar que eu olhava já conseguia observar um padrão de como as coisas funcionam aqui nessa terrinha-de-meu-Deus - Todos nós somos fascinados por títulos e status quo. Todos somos fascinados por TER.



Estamos acostumados com esse mundo onde o "eu sou" é definido pelo que eu tenho, e freqüentemente ainda adicionamos o "eu mereço" para justificar a frase anterior: Eu trabalhei duro. Isso é resultado do meu suor, eu mereço isso! Gastei rios de dinheiro pra comprar isso. Eu mereço um crédito. Eu faço o que eu tenho que fazer por mim, porque se eu não fizer quem vai fazer então? Eu conquistei.
Quem nunca pensou ou disse "eu quero isso agora" - uma promoção? Um novo par de sapatos?... ou até "eu mereço mais" - uma viagem para praia? Um iPhone7? Um namorado? rs - nós nos sentimos assim em diversas ocasiões, não? 
Eu posso até me considerar uma mulher de sorte, se eu acreditasse nela, mas não - tenho 25 anos, pós graduada, bom emprego, com um apartamento, pagando o carro, ministério na igreja - eu sou isso e sou aquilo, eu tenho isso e tenho aquilo e blablabla...
As pessoas podem me olhar e pensar "uau" e tudo que eu fiz para chegar aonde estou agora podem até definir a maneira como eles me enxergam, mas isso não tem ABSOLUTAMENTE NADA a ver com a forma que Ele me vê.

Preciso ser a primeira a admitir aqui o número de vezes que eu tive que disfarçar minha arrogância com uma falsa humildade - eu choro diante Dele, porque todos os dias eu travo uma luta interna tentando não deixar que eu leve o crédito e a glória de tudo que Ele fez na minha vida, tudo que Ele me deu e me tornou.

Deus não nos pede um curriculum vitae para nos chamar de filhos.
Ele não nos pede um extrato da conta corrente, uma foto da minha casa ou marca uma entrevista para verificar se preenchermos os requisitos celestiais.
Ele nos chama de filhos independente de tudo que nós somos ou que achamos que temos, porque acredite,,, isso aí que você pensa ser muito... não é nada para Ele.

Por estarmos tão inseridos nesse mundo e por tantas vezes sermos tragados pelos conceitos da sociedade de TER é mais do que SER, simplesmente nos esquecemos de quem somos.  O mundo prega tanto ser 'cool' e acha lindo você ser rico e independente, é difícil manter uma mentalidade de humildade e dependência de Deus com tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo.

Paulão fala em Romanos "Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente [...]" {Romanos 12:2}

E é justamente isso que temos que fazer dia após dia: combater essas vozes na nossa cabeça e termos nossas mentes transformadas - mudança de pensamento - esse é o caminho!
Treinar nossas mentes para algo tão oposto daquilo que estamos acostumados é muito difícil, mas precisamos primeiramente, ter fixo e gravado em nossa mente e em nosso coração que Deus é o doador e provedor de toda sorte de talentos, dons e sabedoria que temos. 

Quando não reconhecemos isso, nosso orgulho toma conta e faz com que NÓS levemos o crédito pelo trabalho DELE. O orgulho, vem sempre acompanhado de arrogância superioridade e de um coração endurecido por achar que o seu próprio caminho é melhor. Por isso que sutilmente Ele nos afasta de Deus e é por isso que Deus repugna tanto as pessoas arrogantes.
Nada é por nós ou para nós, mas é tudo por Ele e para Ele.

E pra completar a sessão tapa na cara:
Não se enganem. Se algum de vocês pensa que é sábio segundo os padrões desta era, deve tornar-se "louco" para que se torne sábio. {1 Co 3:18}
Se devo orgulhar-me, que seja nas coisas que mostram a minha fraqueza.
{2 Co 11:30}

Pode ser que você também goste:

0 comentários